Costão do Santinho lança livro “A Cozinha do Costão – 26 anos de gastronomia”

Costão do Santinho lança livro “A Cozinha do Costão – 26 anos de gastronomia”

Faça sua reserva

No dia 13/12 às 18h, o Costão do Santinho realizou o lançamento de mais um legado, o livro: “A Cozinha do Costão - 26 anos de Gastronomia”. O evento foi realizado no Restaurante dos Pássaros (anexo ao Restaurante N. Sra. das Ondas), no Resort. A obra contextualiza, nas suas 148 páginas, as iguarias utilizadas na construção dos pratos do Resort e apresenta 38 receitas produzidas pelos Chefs. Além disso, foi comemorado o aniversário do Dr. Fernando Marcondes e os 26 anos do empreendimento. 

O livro é divido em cinco categorias: moluscos e crustáceos, aves e carnes, peixes, massas e sobremesas. Este é o registro da experiência do Costão na área gastronômica. Acreditamos que faz parte de nossa gastronomia proporcionar uma experiência única em nossas mesas. Portanto, nossos pratos contêm temperos especiais, além do manjar, como simpatia, carinho, delicadeza e cuidados – Afinal, cozinhar é demonstrar o carinho que temos por nossos hóspedes. E, esta é a missão de nossos chefs.

Além disso, a cozinha do Costão tem um compromisso com a biografia da Ilha de Santa Catarina e com as iguarias que são ofertadas no Estado. Este livro vem para materializar esta história da gastronomia que permeia a ilha desde a época do homem do Sambaqui, passando pelos costumes dos Índios, a chegada dos Açorianos até os dias de hoje.

Ao longo dessas duas décadas e meia de vida o A Cozinha do Costão valorizou o que a ilha tem de mais primitivo: os seus pescados, frutos do mar e a farinha, combinadas ao que o Estado de Santa Catarina tem de mais regional: o cordeiro, o marreco, frescal bovino, o pinhão e o palmito pupunha, as iguarias casadas com os conhecimentos dos Chefs e aos temperos únicos faz com que o Resort entregue aos seus hóspedes uma gastronomia sofisticada, inovadora, saudável, diversificada e saborosa.

Um pouco de história:

Há 5 mil anos, ainda quando Florianópolis fazia parte do arquipélago de 48 ilhas do estado de Santa Catarina, hoje quase todas interligadas, o homem do Sambaqui escolheu algumas delas para povoar. Entre esses lugares está o Morro das Aranhas, sítio onde está o Resort. Um dos fatores que favoreceram esta povoação foram os pescados que rondavam o Costão e que eram facilmente capturados em um mergulho, raso, com lanças. Como registro desse povo, paleolítico, temos as inscrições rupestres em nosso museu arqueológico, preservado como patrimônio histórico pelo Resort. Além dessas ferramentas construídas nas pedras rochosas do Costão eles também construíam canoas para o cerco dos peixes em curso como a tainha e a anchova.

A tainha faz a festa do pescador artesanal na ilha de Santa Catarina. A temporada é sempre aguardada com ansiedade. Cerca de 50 mil toneladas são capturadas anualmente nas praias da ilha. A tainha recheada - Um prato icônico do Costão do Santinho – usa a própria ova da tainha e o pinhão da serra catarinense no seu preparo. A tainha é capturada no período de 15 de maio a 15 de julho em quase todas as praias da ilha de Santa Catarina, através da pesca de tarrafa realizada por pescadores artesanais.     


Há um pouco mais de 2.500 anos chegaram os primeiros índios que além de dominar a arte da cerâmica também dominavam o cultivo da mandioca, do milho e outras raízes. E, há pouco mais de 250 anos, a Ilha começou a ser povoada pelos Açorianos que com seus engenhos de farinha e de cana, momento em que surgiu a farinha, um dos nossos pratos mais apreciados até os dias dia hoje. Instituíram também o cultivo do café sombreiro e trouxeram as artes como: rendas de bilro, crivo, as cantorias e os presságios vindos do mar, que cultivamos até hoje.

O Resort:

O Costão do Santinho está inserido num paraíso ecológico de 800 mil m², dos quais 600 mil m² estão preservados, formando um dos mais importantes parques urbanos privados do Brasil. Parque onde habitam cerca de 400 mil árvores de mata atlântica, 160 espécies de pássaros catalogados, 20 espécies de bromélias, 75 espécies de orquídeas e diversos indivíduos da fauna silvestre.

Localizado ao limite sul do Morro das Aranhas e a leste dos costões rochosos, banhado pelas águas puras e areias brancas da Praia do Santinho e a oeste pelas dunas irrequietas desta praia costeira, o Costão do Santinho é um local com diversão garantida para a família toda. A sua estrutura foi pensada para acolher e garantir aos seus hóspedes uma experiência mágica, permeando todas as idades. Afinal, são mais de 200 opções de lazer – É diversão que não acaba mais. Além de toda a parte de entretenimento o Resort possui uma riqueza arquitetônica, cada área deste empreendimento foi pensada para manter a historicidade da colonização da ilha. A história está viva nas paredes, nos caminhos e em cada vila do Resort. Além de todo contexto histórico deixado pelos primitivos.

A história se materializa na memória, e tornar o conhecimento coletivo é manter a tradição eterna. Por isso, o Costão do Santinho Resort mantém esses laços com a essência desta Ilha que transforma e encanta gerações. Venha desbravar esta história e eternizar momentos únicos conosco.

Pacotes