Estação de tratamento de efluentes recebe visita de alunos

Estação de tratamento de efluentes recebe visita de alunos

Faça sua reserva

Aberta à visitação guiada por nossos colaboradores, a estação de tratamento de efluentes do Costão do Santinho traz inovação em técnicas e equipamentos para o ciclo da água. 

No ciclo de tratamento da água, da coleta da água utilizada no complexo, tratamento, separação de resíduos, filtragem e reutilização, o resort é quase auto sustentável. De acordo com nossos sanitaristas, o rejeito derivado do tratamento ainda é encaminhado ao aterro industrial, mas já há previsão de reciclar o chamado “lodo”, transformando-o em um pó rico para adubação. A partir daí, o ciclo da água será todo resolvido aqui mesmo no complexo. 

Nosso coordenador da célula de Ecologia, Ciro, conta que a água tratada é direcionada por tubulação ao campos e gramados, sendo mais do que suficiente para irrigá-los. Durante os períodos de chuva, a água é contida em lagoas e passa por filtração natural feita pela vegetação e solo. O sistema de luzes ultravioletas elimina todos os microorganismos deixando apenas os minerais próprios da região, rico em fósforo, pela grande quantidade de basalto disponível aqui. Além disso, todas as etapas do ciclo da água são mensalmente monitoradas por análise em laboratório, para garantir a manutenção do processo. 

A estação, que geralmente recebe estudantes de engenharia sanitária, técnicos em saneamento e outros profissionais da área, recebeu nesta última terça-feira (19/06) uma turma de alunos do curso Técnico em Saneamento do Instituto Federal de Santa Catarina - o IFSC. Os estudantes puderam ver in loco o processo de tratamento de efluentes e tiraram dúvidas à respeito de novas técnicas e equipamentos. 

Para o futuro técnico sanitarista, Luiz Henrique, “as visitas agregaram o conhecimento trabalhado em sala de aula, porque podemos ver na prática como cada etapa funciona. Fica mais fácil de entender e aplicar o que estudamos em nossos projetos.”

Nossas células de Engenharia Sanitária e de Ecologia é que ficam orgulhosas de participarem da troca de conhecimentos durante a formação de futuros profissionais e, ao mesmo tempo, de investir em sustentabilidade, porque os benefícios são compartilhados com a comunidade. 

O Costão do Santinho também é responsável pela manutenção da reserva particular permanente natural do Morro das Aranhas. Qualquer pessoa da comunidade pode iniciar a trilha, rica em fauna, flora e história. Escolas, ONGs e Universidades podem agendar a caminhada com um de nossos guias, basta entrar em contato com a célula de ecologia - ecologia@costao.com.br -. 

Quer saber mais sobre o Costão Ecológico? Veja as dicas da nossa mascote Lala Gralha, aqui.

Pacotes